segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Amigo Zé, Mais um lamento junto do «muro israelita, sem grande esperança de que das pedras do muro saia um murmúrio que me forneça uma indicação do motivo deste seu silêncio persistente. Será doença? Será algo de pior? Desejo que seja apenas uma decisão de refúgio, em silêncio completo, para depois vermos uma ressurreição com uma linha estratégica que o conduza a um futuro de paz. Mas a ausência de notícias presta-se a negros pensamentos que torturam a alma deste amigo. Um abraço, com os melhores augúrios. João

3 comentários:

  1. Homem e AMIGO João,
    Estive internado mas, já está tudo dentro dos possíveis.
    Qualquer dia já poderei fazer-lhe uma visita.
    Obrigado por tudo.
    Um enorme abraço do seu amigo Zé ("simplesmente" o Zé)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado. Desejo as melhoras e Feliz Natal para si e família.

      Eliminar
    2. Amigo Zé, desejo que se encontre bem de saúde e que tenha Festas Felizes e se prepare para entrar no Novo Ano com os melhores auspícios, para que sejam realizados os seus projectos de homem sensível e dotado de Amor à Humanidade. Abraço.

      Eliminar