sexta-feira, 18 de julho de 2014

o Planeta Terra NÃO É de NINGUÉM

 
Exemplo da Faixa de Gaza:
No século XIX, o movimento sionista reivindicou o direito do povo judeu a uma pátria. No início do século XX, aquando o desmoronar do Império Otomano, são redesenhadas as fronteiras de todo o Médio Oriente.
Por decisão das Nações Unidas, o território da Palestina foi então dividido em dois estados, um para os judeus, outro para os árabes. O Estado de Israel surge dessa divisão.
Agora um diz-se Estado Soberano e que o outro é SÓ Autoridade Palestiniana e… que tem de ser submissa.
As tensões começam em Jerusalém, cidade-santa para três grandes religiões: judaísmo, catolicismo e islamismo.
 

L L L L L L  E… ASSIM É A GUERRA  L L L L L L


4 comentários:

  1. Por mais equações que faça, continuo sem entender esta guerra.
    As crianças nascem com ódio e prontas a sacrificar ou a sacrificar-se.
    Será que não se podia ensinar a amar de ambos os lados?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como dizia o Indio A Terra não pertence ao Homem mas sim o Homem que pertence à Terra - como se chamava o Indio ?? Já não sei

      Eliminar
    2. Cara AMIGA Celeste Ramos,

      O nome ficou conhecido por “Seattle”, era o chefe das tribos indígenas, Suquamish e Duwamish. E… O discurso foi proferido dia 11 de Março 1854 numa reunião ao ar livre, no estado de Washington (Seattle) com o governador da altura, Isaac Ingalls Stevens.
      (O governo dos Estados Unidos tentava convencer os Índios a venderem as suas terras para poderem prosseguir com a ocupação do território norte-americano com as populações de imigrantes estrangeiros que chegavam aos USA.)

      Depois houve então a carta, escrita e enviada por Isaac Ingalls Stevens, para Washington.

      Só se tem conhecimento de uma única foto do chefe, que é essa que está no vídeo.

      Um abraço. Zé

      Eliminar
  2. A Terra não pertence ao Homem - o Homem é que pertence à Terra - como as árvores ou as minhocas e os leões e etc

    ResponderEliminar